A evolução do Marketing

Publicado por: Shirley Lima


Desde os primórdios,desde que aprendemos no colégio  que a teoria da evolução de Darwin,passamos a entender que as coisas estão em constante mudança.



Os que encontram-se na fase adulta,já procuram nesse mercado de informações em ritmo acelerado especializar-se, e logo em seguida vão buscando o seu espaço;evoluindo na sua área.



Na área do Marketing por exemplo,as informações são muito agéis,principalmente em se tratando de divulgação na internet.


Se formos comparar o comportamento das empresas em relação aos seus clientes nas últimas décadas,vamos obter conclusões dispares.


Na década de 60 por exemplo,o cliente não interferia nas escolhas.A empresa definia como venderia.


Hoje,as pessoas  opinam e até fazem paródias  dos comerciais,de forma positiva ou negativa essas paródias geralemnte são muito acessadas e divulgadas nas redes sociais.


E entre um acesso e outro nas redes sociais,buscando mais informações de décadas passadas da área do Marketing,para compor essas  informações,as  dos anos 70,percebi que já existia uma evolução em relação a década anterior.


A empresa,naquele período,satisfazia os desejos dos clientes.


No entanto,o cliente tinha que pedir por esta satisfação.


Ou seja,ele exigia os resultados,compatíveis com o que buscou.


Já na década de 80,aumentava mais ainda a exigência desses consumidores.As empresas passavam por exemplo a antecipar os desejos dos clientes,provavelmente através de pesquisas.


Com isso,surge as concorrências,estas  a cada dia mais acirradas.


As empresas e as grandes marcas,passam a comprometer-se  com o sucesso dos seus clientes.


As empresas da área de Publicidade,hoje em dia,fidelizam os seus clientes e os tem como parceiros.Para isso conhecem bem os seus gostos e preferências.


O cliente,torna-se um verdadeiro associado,com uma relação intensa com a empresa.


Uma ligação one to one,via mala direta.


O marketing direto é uma das mais emergentes ferramentas de marketing que surgiram com a nova economia, consistindo em contatos.


Onde ficam explicítos os seus principais objetivos,entre eles:


Pesquisa mercado,Identificação de clientes potenciais,conquistar novos clientes,fidelização de clientes,divulgação da marca e dos seus produtos ao público alvo definido,rentabilização da força de vendas,obtenção de resultados mensuráveis e maximização do lucro.


Com  o avanço dos merchandisings,agora não só animais e crianças são os "coringas" dos comercias de margarinas e empresas de telefonia.As músicas costumam ficar em maior evidência.Já,que os hits são fáceis de decorar.As lojas de departamentos por exemplo,usam e abusam desses ritmos mais tocados atualmente.


Carro classe A,com um comercial que acelera no ritmo do funk.


Atores e atrizes internacionais,estampando catalógos Nacionais.Nessas horas,as pessoas deixam se envolver por essa estratégia para atrair a clientela que quer se vestir iqual a celebridade em questão.E às vezes nem se importam com o ciclo de vida de cada produto consumido.Esses passam pelo processo de desenvolvimento,criação e quando se estabilizam no mercado trazem os lucros esperados.Os grandes que se fixam no mercado,não precisam de promoções para permanecer  nos pontos de vendas.


Muitas marcas,ainda que estabelecidas,procuram se reciclar e conseguem manter interessantes as embalagens dos seus antigos produtos e acrescentam apenas alguma coisa em suas fórmulas.Já,que a inovação é a base para que estas continuem estabelecidas no mercado e inseridas nas questões que rodeiam a evolução do Marketing.